quarta-feira, 26 de abril de 2017

Ele tem a pegada


Mas, não quer ser pego
Odeia rótulos e qualquer tipo de prisão
Seja na mente ou no corpo
Ele nasceu para voar
E não adianta fingir que não sabe disso
Pode se aconchegar no seu abraço
Pode provar do seu beijo
Quando precisar, suas lágrimas podem molhar a sua camisa
Ou seu gozo o chão do seu quarto
Ele vai estar aqui por você, para corrigir seu português e a vida
Vai te emprestar os livros mais preciosos e fazer coisas simples se tornarem eternas
Você pode até imaginá-los juntos, descobrindo todo este Mundo
Mas, não se esqueça que ele não é peça, não é pedaço, apesar de ser um mau caminho
Sabe que viver é a única coisa que pode fazer 
Não tente prendê-lo ele sabe mil e um maneiras de ser livre.

sábado, 15 de abril de 2017

Posso tentar

Juro que estou tentando

Posso fingir, não vejo muitas opções...

Te deixar ir sempre foi tão difícil para mim
Como faço pra você ficar?
Como faço pra você se decidir?
Eu juro que estou tentando
Vou fingir que eu não ligo
Vou tentar não me importar
Mas, eu sei que você está indo por um caminho oposto ao meu.

Naiara Melo